Prefira Orgânicos

Consumidor consciente dá preferência aos orgânicos

images.xOs alimentos orgânicos são produzidos sem agrotóxicos. Isto significa que são mais seguros para seu consumo e não contaminam o meio ambiente.

Ao consumir orgânicos, você está ajudando a melhorar a qualidade de vida do agricultor familiar brasileiro, que é o maior responsável pela produção de alimentos no País.

As propriedades orgânicas buscam diversificar e integrar a produção de espécies vegetais e animais, criando ecossistemas mais equilibrados,ou seja, ajudam a manter a biodiversidade.

Os sistemas orgânicos de produção adotam práticas que contemplam o uso saudável do solo, da água e do ar, de modo a reduzir as formas de contaminação e desperdícios desses recursos naturais, contribuindo para o desenvolvimento sustentável.

 

 Como identificar o produto orgânico no mercado

Para facilitar a identificação e dar mais garantia da qualidade dos produtos orgânicos, a legislação brasileira criou o Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade Orgãnica – SISORG, no qual o Ministério da Agricultura passou a ser responsável por credenciar e fiscalizar as entidades que fazem a verificação se os produtos orgânicos que vão para o mercado estão de acordo com as normas oficiais.
Os produtos orgânicos que são acompanhados e aprovados por essas entidades credenciadas passam a utilizar o “Selo do SISORG”, que foi criado para facilitar a identificação dos produtos orgânicos no mercado.
Selo 1Outra maneira para o consumidor ter a garantia que o produtor é orgânico será conferindo se o seu nome está incluído no Cadastro Nacional dos Produtores Orgânicos, que está disponível na página do Ministério da Agricultura.

Orgânicos na venda direta em feiras, sem certificação

As feiras e pequenos mercados de produtores orgânicos são, cada vez mais, ótimas opções para você comprar diversos produtos orgânicos, fresquinhos e diretamente do agricultor.
A legislação brasileira reconhece a importância dos laços de confiança estabelecidos diretamente entre produtores e consumidores no sistema de venda direta (sem intermediários). Esse tipo de mercado tem crescido com a ampliação do número de feiras orgânicas e de produtores que fazem entrega em domicílio.
Desde 1° de janeiro de 2011 todos os produtores que trabalham com venbda direta sem certificação devem possuir a Declaração de Cadastro de Produtor Vinculado a Organização de Controle Social – OCS. Esse cadastro é feito junto a Superintendência Federal da Agricultura da unidade da federação onde o produtor está inserido e com isso garantimos também a rastreabilidade desses produtos para os casos em que surjam dúvidas da sua qualidade orgânica.
Atenção: Nestes casos os produtos não terão o selo do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade Orgãnica

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *